O Museu do Aljube guarda as memórias de um Portugal conturbado e violento.

Portugal é hoje uma nação pacífica, mas nem sempre foi assim, houveram momentos turbulentos na sua história. Momentos de grande agitação popular e instabilidade política. É o que procura retratar o Museu do Aljube, localizado numa zona turística da cidade, junto a Catedral da Sé. Deveria ser visita obrigatória para todos aqueles que se interessam pena história de Portugal.

Foi uma prisão e sede da temida PIDE (Polícia Internacional e de Defesa do Estado), atuante entre 1945 e 1969 na época do Estado Novo, regime autoritário de António de Oliveira Salazar. Para além das funções de polícia política, a sua atividade abrangia igualmente o serviço de estrangeiros e de fronteiras.

Pessoas simplesmente desapareciam sem deixar rastro,

Campo de concentração do Tarrafal

Prisão de Caxias

Mário Soares

Revoltas em África, Angola e Moçambique